Iluminação para quartos teens

Dormir, estudar, ouvir música, jogar, ver TV e receber os amigos são atividades que o jovem desenvolve em seu quarto. Neste microcosmo de múltiplas funções, a iluminação pode ser usada como auxiliar da setorização.

iluminacao2Se o ambiente é descolado, com paredes revestidas de papel ou tinta escura, o ideal é criar vários pontos para melhor distribuição da luz e para estar em sintonia com o espaço multiuso.

O cantinho de estudo deve ter uma iluminação pontual, que facilite a leitura,mas não esquente nem ofusque a visão. Afinal, todo conforto visual é essencial para evitar a dispersão. Para isso pode ser usada uma luminária de mesa ou uma iluminação embutida com luz direta sobre a escrivaninha.

Se a vibe é relaxar, use e abuse de abajur ou luz indireta, mas não esqueça que a temperatura de cor da lâmpada, neste caso, tem de ser amarela.

Para jogos eletrônicos e assistir TV não precisa de muita luz. Por isso, luz dicroica jamais, pois ela ofusca a visão, e refletora sobre a tela do computador nem pensar. A iluminação indireta é a mais aconselhável e, se houver espaço, uma luminária de chão pode ser uma ótima pedida, caso contrário use arandela ou abajur mesmo. O importante é tirar o foco de luz do campo visual e jogar para as paredes.

Uma geração sempre conectada está com os olhos constantemente sobre os dispositivos eletrônicos, o que já é apontado em estudos como causas para um sono de má qualidade. Por isso, evitar o uso de lâmpadas em excesso e com temperatura de cor branca pode ser uma forma de ajudar o jovem a ter um bom sono.iluminacao3

Fonte: homedecore.com.br